Arquivo mensal: outubro 2014

Nota de esclarecimento dos médicos de São Paulo aos usuários dos planos de saúde

Comunicado oficial

Nota de esclarecimento dos médicos de São Paulo aos usuários dos planos de saúde

Os médicos de São Paulo, por intermédio da Comissão Estadual de Negociação com os Planos de Saúde, composta por representantes da Associação Paulista de Medicina, Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo, Sindicato dos Médicos de São Paulo, e o conjunto das sociedades de especialidade, vem trazer ao conhecimento da população conflitos e problemas graves da saúde suplementar que inviabilizam o adequado exercício da medicina, além de gerar prejuízos aos pacientes usuários de planos de saúde.

Conforme dados do Datafolha de 2013, 79% dos usuários de planos no estado de São Paulo reportaram reclamações, com uma média de problemas de 4,3 por pesquisado. Entre os 10,4 milhões de usuários de operadoras privadas, 8,2 milhões estariam insatisfeitos. No levantamento há queixas recorrentes em relação à dificuldade de acesso aos prontos-socorros (80%), consultas médicas (66%), exames e diagnósticos (47%), internações (41%) e cirurgias (24%).

Outra pesquisa, também do Datafolha, atestou que os médicos também estão descontentes com os baixos honorários praticados, mas também com interferências de determinadas empresas em seus exercícios profissionais, como pressões para reduzir exames e procedimentos, antecipar altas hospitalares, evitar internações, entre outras.

Com o intuito de reverter esse quadro, melhorando a assistência aos cidadãos e a relação entre empresas e médicos, a Comissão Estadual de Negociação com os Planos de Saúde abriu canais de diálogo e negociação com as empresas há dois anos. Só em 2014, foram realizadas 40 reuniões com operadoras, chegando-se a avanços importantes para a melhoria da assistência aos cidadãos.

Entretanto, algumas empresas que representam milhões de vidas em nosso Estado, simplesmente se negaram a sentar-se à mesa de negociação, em sinal inequívoco de descompromisso e desrespeito com a saúde e, mais especificamente, com os prestadores de serviço e a população. Exemplo é a Green Line. Outras participaram de reuniões, mas romperam o diálogo unilateralmente e não enviaram propostas: Ameplan, CET, Correios, Intermédica e Notredame.

Em resposta à opção dessas empresas de não dialogarem, a Comissão Estadual de Negociação com os Planos de Saúde prepara um ato público para trazer ao conhecimento de toda a sociedade os problemas ora relatados. Será em 14 de novembro, quando haverá a suspensão do atendimento eletivo a todos esses planos de saúde no estado de São Paulo, em sinal de advertência e em defesa de condições adequadas para uma assistência de qualidade aos cidadãos.

Com o intuito de tranquilizar a coletividade, informamos que, na oportunidade, será mantido o atendimento a urgências, emergências, às cirurgias-pré-agendas em respeito aos pacientes.

 

São Paulo, 29 de outubro de 2014

Comissão Estadual de Negociação com os Planos de Saúde
Associação Paulista de Medicina
Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo
Sindicato dos Médicos de São Paulo
Sindicatos dos Médicos do Estado
Sociedades de Especialidades Médicas de São Paulo

Anúncios

Posse da nova diretoria da APM

Sérgio Ramos passa para Francir Veneziani a Presidência da APM

No dia 18 de outubro de 2014, o Dr. Sérgio dos Passos Ramos passou a presidência da APM São José dos Campos para o Dr. Francir Veneziani.

Veja a composição da nova diretoria:

Dr. Francir Veneziani Silva – Presidente

Dr. David Alves de Souza Lima – Vice Presidente

Dra. Djanete Barbosa de Melo – 1ª Tesoureira

Dr. Luiz Alberto Siqueira Vantine – 2º Tesoureiro

Dra. Maria Margarida Fernandes Alves Isaac – 1ª Secretária

Dr. Gilberto Benevides – 2º Secretário

Dra. Silvana Maria Figueiredo Morandini – Diretora de Defesa Profissional

Dr. Vitor Mercadante Pariz – Diretor Científico

Dr. Sérgio dos Passos Ramos – Diretor de Comunicação

Dra. Carmen Thereza Pricoli Quaglia – Diretora Social

Dra. Juana Montecinos Maciel – Diretora Social

Dr. Antonio Celso Escada – Diretor Cultural

Dr. João Manuel F. Simões C. Maio – Diretor Cultural

Dr. Othon Mercadante Becker – Diretor de Esportes

Dr. Hélio Alves de Souza Lima – Conselheiro Fiscal

Dra. Rozeny Anute Costa – Conselheira Fiscal

Dr. Pedro Roberto Alves Ribeiro – Conselheiro Fiscal

Dr. Flávio Lopes Brun – Suplente do Conselho Fiscal

Dr. Paulo César Ribeiro Carvalho – Suplente do Conselho Fiscal

Dr. Roberto Schoueri Junior – Suplente do Conselho Fiscal

Dr. Lauro Mascarenhas Pinto – Delegado

Dra. Therezinha Veneziani Silva – Delegada